Remada Fazenda do Cascalho x Estância da Graça
REMADA FAZENDA DO CASCALHO X ESTÂNCIA DA GRAÇA

Neste domingo (18/01) a Caiacar realizou uma remada que vai ficar na memória, não pela distância percorrida ou pela dificuldade da caiacada, mas sim pela oportunidade de desfrutar das belezas do nosso maravilhoso Arroio Pelotas, a partir de um ponto de saída diferente do que estamos acostumados. Nosso ponto de partida foi a Fazenda do Cascalho (propriedade situada a margem direita, então Charqueada do Cascalho, adquirida em 1886 pelo ilustre Cel. Pedro Osório), às 8:15 h lá estavam os confrades Vinicius, Juninho, Rogerio e Waldo e o objetivo era remar até outro ponto histórico de nossa cidade, a Estância da Graça (localizada à margem esquerda, construída em 1800 e pertenceu ao comendador João Simões Lopes, o Visconde da Graça e foi o local onde nasceu João Simões Lopes Neto (1865), o maior dentre todos os escritores regionalistas gaúchos). Para nossa alegria, às 11:30 h após uma parada no que resta da Ponte da Galatéia, para se reidratar e se refrescar nas águas do arroio chegamos ao nosso destino, agora era chegada a hora dos registros fotográficos, o lanche, o merecido descanso e se preparar para o retorno. Ao chegarmos de novo na Fazendo do Cascalho fomos recebidos pelo Sr. Carlos Guilherme Rheingantz proprietário do local, historiador, pesquisador e apaixonado pelo nosso exuberante manancial de águas abrigadas. Fica o agradecimento da Caiacar ao Sr. Rheingantz por ter aberto as porteiras de sua fazenda, compartilhado um pouco do seu conhecimento conosco e acima de tudo ter nos ajudado a realizar mais esse show de remo no Arroio Pelotas. No total percorremos 24,8 Km, totalizando 4 h e 28 minutos de remadas com o 2 h e 02 minutos de paradas com velocidade do vento de 8 nós de SE e temperatura máxima de 27ºC.
“A parceria é forte, a curtida é louca e a amizade é eterna”.

Créditos:

Fonte: